segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Camerata Quadro Solar se apresenta no Museu Geológico da Bahia


Mensalmente o projeto Terças Musicais leva música ao museu

No mês de novembro, o conjunto Quadro Solar, que integra o programa de Cameratas da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), é atração do projeto Terças Musicais, que é realizado mensalmente no Museu Geológico da Bahia . O evento é gratuito e acontece sempre na primeira terça de cada mês, até dezembro deste ano, às 16h30, no auditório do local.
A iniciativa reforça o objetivo da OSBA de democratizar o acesso à música erudita e popular, contribuindo para a formação de novas plateias, explorando e divulgando obras de grandes compositores. Ao abraçar a ideia, o Museu deseja ampliar o leque de suas ações abrigando em suas instalações uma proposta musical cultural, visando oferecer à sociedade mais uma opção de lazer e cultura.
OSBA
A Orquestra Sinfônica da Bahia, criada em 30 de Setembro de 1982, é uma companhia estadual que integra os corpos artísticos do Teatro Castro Alves, unidade da Funceb, vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. Desde 2011 a OSBA está sob a curadoria artística do maestro Carlos Prazeres, desde então vem redefinindo seu papel na sociedade, buscando criar concertos e programas que tragam um novo olhar do público baiano para a música erudita. Um dos projetos é o Cameratas da OSBA, que leva a música de câmara para espaços alternativos.
Museu
Inaugurado em 4 de março de 1975, atualmente vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico – SDE do Estado da Bahia, o Museu é um centro de pesquisa, divulgação e preservação do patrimônio geológico da Bahia, que desenvolve projetos de cunho científico, educativo e cultural.
Uma visita ao Museu Geológico da Bahia é um convite a conhecer o solo e as rochas onde pisamos, as riquezas do subsolo, bem como os fósseis dos seres que habitaram a nossa Terra. Permite ao público conhecer a história geológica e o patrimônio mineral desse Estado.
Possui um dos maiores acervos de rochas, de minerais, de pedras preciosas e de fósseis da Bahia, com mais de 20 mil peças, proporcionando aos seus visitantes uma viagem no tempo geológico através das suas exposições temáticas: Meteoritos, Universo/Sistema Solar, Minerais, Rochas, Recursos Minerais, Minerais e Rochas Industriais, Artesanato Mineral, Garimpo, Minerais Radioativos, Energia dos Cristais, Gemas, Petróleo, Otto Billian, Rochas Ornamentais e Fósseis.

SERVIÇO:
Terças Musicais – Camerata Quadro Solar/OSBA
Local: Museu Geológico da Bahia (Av. Sete de Setembro, 2195, Corredor da Vitória)
Quando: 1º de novembro de 2016

Horário: às 16h30

Workshop ensina a cuidar de lixo domiciliar e produzir jardins funcionais



Consumo consciente, segurança alimentar e compostagem são temas do evento que acontece dia 5 de novembro

Já pensou em cuidar do meio ambiente, criar seu próprio jardim e cultivar uma alimentação saudável? Com um pouco de trabalho e dedicação isso pode ser mais fácil do que você pensa. No Workshop de Gestão Domiciliar de Resíduos Sólidos e Jardins Funcionais, os interessados terão a oportunidade de aprender a arte de transformar lixo em vida e diminuir os impactos socioambientais. Iniciativa da Sol da Terra – Criatividade Socioambiental, o evento acontece dia 05 de novembro (sábado), na Casa Guió (Rua Odilon Santos, nº 202 - Rio Vermelho), das 8h às 18h. A inscrição custa R$ 60 um turno e R$ 100 o dia inteiro.

Alternativas sustentáveis para o lixo domiciliar são cada vez mais aceitas e procuradas por quem busca integração com a natureza e a obtenção de produtos naturais, como ervas medicinais, aromáticas, condimentares e hortaliças. Por meio da compostagem é possível aproveitar mais de 50% do lixo orgânico que é gerado em casa, transformando, por exemplo, restos de comida em adubo para seu próprio jardim.

Durante o workshop também será possível aprender a criar jardins funcionais que tem como objetivo cultivar temperos, ervas medicinais e outras plantas agregando valor e utilidade a seu jardim, mesmo em pequenos espaços. Os alunos que se inscreverem no curso, receberão material para desenvolver as atividades propostas.

Segundo a bióloga e educadora ambiental Gabi Magalhães, sócia da Sol da Terra,Vivemos imersos numa sociedade de consumo dentro das cidades e com isso perdemos nossa conexão com os ciclos da natureza e com o planeta. Cuidar das nossas sobras significa nos integrarmos com esses ciclos, diminuindo assim os impactos socioambientais”.

A Sol da Terra – Criatividade Socioambiental é uma empresa formada por Biólogos, Agrônomos e Educadores Ambientais que tem a missão de reconectar o Ser Urbano aos ciclos da natureza. Seu trabalho inclui também prestar consultoria para gestão de resíduos e jardins funcionais em escolas, restaurantes, condomínios e residências.


Programação:
Manhã: Gestão Domiciliar de Resíduos Sólidos (8h às 12h)
- Consumo consciente
- Como separar seus resíduos
- Compostagem

Tarde:
Jardins Funcionais (14h às 18h)
- Segurança alimentar
- Preparo do Solo
- Plantio e Cuidado

SERVIÇO:
O que: Workshop Gestão Domiciliar de Resíduos Sólidos e Jardins Funcionais
Quando: 05 de Novembro (sábado), das 8h às 18h
Onde: Casa Guió (Rua Odilon Santos, nº 202 - Rio Vermelho)
Valor: R$ 60,00 (um turno) e R$ 100,00 (dia inteiro)
Informações: contato@soldaterraambiental.com.br / Whatsapp: 71 996878305 e 71 987488016

Informações complementares:
- Todos os alunos receberão kit para desenvolver as atividades;
- O intervalo para o almoço será das 12h às 14h;
- Interessados poderão optar pelo almoço da Bamboo Gastronomia Saudável. O custo adicional é de R$ 20 por pessoa, inclui entrada, prato principal, sobremesa e suco e será servida na Casa Guió.


Rafa & Pipo Marques são a segunda atração confirmada no Mundo Mágico



Rafa & Pipo Marques são a segunda atração confirmada na festa Mundo Mágico. O evento, que acontece no dia 26 de novembro, no Hotel Deville Prime, já havia anunciado que seria palco do primeiro show de Arthur Aguiar em Salvador. Em parceria com a "Med Fantasy", a festa ainda contará com mais atrações e surpresas a serem divulgadas.

Assumindo nova identidade musical, a dupla baiana se prepara para a gravação do seu primeiro DVD e o show no Mundo Mágico, três dias antes do registro, será um verdadeiro termômetro para os meninos. Filhos de Bell Marques, Rafa e Pipo cantarão sucessos da carreira de cinco anos e o novo hit "Se o passarinho voou", lançado há um mês no canal do Youtube da banda.

Com decoração única, o evento promete despertar a curiosidade e criatividade do público na escolha de suas fantasias. A festa acontece às 21 horas e os ingressos estão à venda na Line Bilheteria e balcões dos shoppings. O uso de fantasia é obrigatório e as melhores caracterizações serão premiadas pela produção. Maiores informações:  (71) 30358059.

SERVIÇO:
Mundo Mágico - Festa a fantasia
Quem: Arthur Aguiar e atrações à confirmar
Onde: Hotel Deville Prime - R. Passárgada, S/n - Itapuã, Salvador - BA, 41620-430
Quando: 26 de novembro, 21h (Abertura dos portões)
Quanto: R$ 60
Ingressos: Line Bilheteria (sem taxa de conveniência) e Ticketmix (com taxa de conveniência)
Classificação: 18 anos
* Ingressos podem sofrer alteração sem aviso prévio

Corrida em prol da Associação dos Amigos do Autistas da Bahia acontece dia 27 de novembro na Arena Fonte Nova


Bell Marques é o padrinho artístico do evento

A corrida “Quem AMA corre” tem como objetivo promover atividade física, saúde e bem-estar e ajudar a AMA – Associação dos Amigos do Autista da Bahia. Idealizada pelos Padrinhos Solidários e com organização da Tuche Runners, o evento conta com a participação de Bell Marques como padrinho artístico. Através do seu trabalho e das suas redes sociais, o cantor promove, divulga e apoia a corrida e a associação.

As inscrições começam dia 01 de novembro no valor de R$ 60. O dinheiro arrecadado será entregue à instituição, pois a mesma precisa de ajuda para manter o funcionamento das suas atividades, realizadas por profissionais de forma voluntária.

A prova será no dia 27 de novembro e terá um percurso de 5 km. A concentração está marcada para 7h com o aquecimento do Grupo Fit Dance. A largada será às 7h45 para os atletas, no estacionamento da Itaipava Arena Fonte Nova em direção do Dique do Tororó, retornando para o mesmo ponto de saída.

Durante a prova, os corredores terão ponto de hidratação e, no final, um super café da manhã e apresentação de Danniel Vieira. Os corredores também poderão estacionar gratuitamente no L1 do estádio. A identificação é através da camisa do evento.

Os autistas atendidos pelo AMA farão um corrida simbólica de apensas 200 metros na abertura, às 7h30.

O evento tem o patrocínio do Shopping da Bahia, Coca-Cola e Indopan e apoio de Sitio Chuin, Vilalva, Ello Imóveis, JM Som, Harém, Omni, Carsystem, Bom tempo, GNC e Fellini, Itaipava Arena Fonte Nova, Bocão News, SBI, Clube Bahiano de Tênis, R.I.19, Grande Bahia, Crystal, A Tarde FM, Radio Metrópole, Piatã FM, CBN, e Tribuna da Bahia.

Sobre a AMA

Associação de Amigos do Autista da Bahia (AMA) foi criada para suprir a as necessidades de muitas famílias em ter um lugar especializado para os autistas. Foi esta dificuldade em encontrar uma escola que atendesse às necessidades específicas dos autistas que proporcionou a formação de um grupo de estudos a respeito do Autismo e, logo em seguida, surgiu o desejo de formar uma Associação.

Desde de 2003 existente, a AMA-BA ainda não atende a todos os requisitos para de uma forma ampla atender a todas as crianças com Autismo. Uma visita no local detectou a necessidades de ajuda a essa instituição. No Dia das Crianças, os Padrinhos Solidários, grupo formado por um grupo de empresários, mobilizou e fez a reforma da piscina da instituição. Agora o desafio é pagar as contas atrasadas e ajudar na manutenção das atividades. A AMA tem como missão realizar atendimento pedagógico diferenciado e inovador proporcionando: saúde, lazer, trabalho e inserção na sociedade da pessoa com autismo.

Inscrições
A inscrição começa no dia 01 de novembro e poderá ser feita pelo site www.centraldacorrida.com.br

Entrega das camisas
As camisas serão entregues no Shopping da Bahia nos dias 24, 25 e 26 de novembro.

Serviço: Corrida “Quem AMA em prol da Associação dos Amigos do Autista da Bahia – AMA- BA

Data: 27/11
Horário: 07:30 h – largada das crianças autistas (Apenas 200 m – simbólico)
                   07:45 h – largada dos atletas
Valor: R$ 60  - As doações e o dinheiro arrecadado serão destinadas a Associação dos Autistas da Bahia
Percurso: 5 km
Início das Inscrições: 01 de novembro pelo site www.centraldacorrida.com.br


Informações:  71 3019-0176 - AMB

Ambev convoca jovens para maratona tecnológica


Segunda edição do Hackathon Ambev tem como foco falta de acesso à água potável

Grupo vencedor ganhará uma viagem à Palo Alto, Chicago e Los Angeles


Estão abertas as inscrições para a segunda edição do Hackathon Ambev. Neste ano, o desafio terá como tema a falta de acesso à água potável, problema que afeta mais de 25 milhões de brasileiros. Durante 24 horas ininterruptas entre os dias 26 e 27 de novembro, no espaço CUBO de coworking, os 96 selecionados serão incentivados a pensar grande e propor soluções tecnológicas e inovadoras para solucionar a dificuldade de acesso ao recurso.
O grupo que apresentar a melhor proposta ganhará uma viagem para as cidades de Palo Alto, onde visitará o Beer Garage, escritório de inovação do grupo Anheuser-Busch Inbev, Chicago e Los Angeles, nos Estados Unidos. Além disso, conhecerá os vencedores dos Hackathons organizados pela AB Inbev em outros países.
A disponibilidade de água potável é um tema muito relevante para a Ambev. Por isso, a cervejaria trabalha constantemente para diminuir o consumo interno do recurso e incentivar projetos que ampliem a disponibilidade hídrica fora de seus muros. “O Hackathon consegue unir a tecnologia, que tem poder para transformar o mundo, com a inovação, que faz parte do nosso dia a dia. Então, esperamos ser surpreendidos, mais uma vez, pelas soluções que os jovens criarão”, afirma Luiz Gondim, diretor de TI da Ambev.
Para se inscrever na maratona tecnológica, é necessário ter entre 20 e 30 anos, ser recém-formado ou formando, no ano de 2016, em cursos das áreas de tecnologia, design e administração e morar na região metropolitana de São Paulo. A inscrição pode ser feita no site http://www.ambev.com.br/hackathon/ até o dia 6 de novembro. Os projetos serão julgados por especialistas externos e por VPs da cervejaria. A primeira edição do evento, realizada em 2015, recebeu mais de 2 mil inscrições.

SERVIÇO
Hackathon Ambev 2016
Data: dia 26 e 27 de novembro
Local: Espaço CUBO – Rua Casa do Ator, 919, Vila Olímpia, São Paulo/SP
Inscrições até 6 de novembro no site www.ambev.com.br/hackaton/
 

Wesley Safadão, Gabriel Diniz e Durval Lelys agitaram a noite de Sábado em mais uma edição do Garota VIP Salvador





Fotos: Juci Ribeiro e Alexandre  / Ag. Fio Condutor



O anfitrião Wesley Safadão cantou para mais de 30 mil pessoas na noite de sábado (29) no Parque de Exposições de Salvador na zona norte.

Na noite de ontem (29), cerca de 30 mil pessoas compareceram ao Garota VIP  Salvador, para conferir o show de Gabriel Diniz, Wesley Safadão e Durval Leys.

Não de hoje que o público conhece a irreverência do cantor Gabriel Diniz. Usando um look super despojado, o GD, como gosta de ser chamando se apresentou em salvador, trazendo seu Forró eletrônico e os hits mais executados em todas as rádios do Brasil.

Fazendo a alusão de um "Baile Real" o cantor Durval Lelys trouxe o todo o seu axé para a grande festa é um repertório pra ninguém botar defeito. Durval mostrou porque ele ainda continua sendo um grande puxador de bloco. 

" Eu estou em estúdio, gravando musicas inéditas, escutando algumas coisas e já vendo algo para o carnaval de 2017. Ainda não tenho nada definido, mas quando a inspiração vier, a gente já cogita a temática. Comenta o cantor.
 No repertório musicas como: Não Tem Lua, Quebra AÊ, Bota Pra Ferver, Toa Toa, Danca da Tartaruga, Dança do Vampiro entre outras.

O recém-casado wesley Safadão subiu ao palco do Garota VIP as duas da manhã, mas colocou todo mundo pra danças aos som dos seus maiores sucessos como: Camarote, TimTim, A Dama e o Vagabundo, Parece que o Vento (música que tem a parceria da musa Ivete Sangalo, além de um medley dos hits baianos Sou Praieiro, Tudo Nosso e Nada Deles, E aí é Nós depois de Nós é Nós de Novo.  

O show Ainda contou com a participação da eterna morena do Tchan Scheila Carvalho e do seu esposo Toni Sales. Juntos eles cantaram os sucessos da banda Parangolé, enquanto a Scheila Carvalho relembrava seus tempos de dançarina.

BELL MARQUES APOIA AÇÃO EM PROL DE INSTITUIÇÃO DE APOIO A AUTISTAS


Bell Marques é um dos apoiadores da corrida "Quem AMA corre", que acontece no dia 27 de novembro, em Salvador, em prol da Associação dos Amigos do Autista da Bahia (AMA). Um ato de solidariedade, a ação tem como objetivo também promover atividade física, saúde e bem-estar e terá um percurso de 5 km, com concentração às 7h, na Arena Fonte Nova. As inscrições começam nesta terça-feira, 1º de novembro, através do site www.centraldacorrida.com.br e custam R$ 60,00. O dinheiro arrecadado será destinado à AMA, que precisa de ajuda para manter o funcionamento das suas atividades, realizadas por profissionais voluntários.
Adepto e apaixonado por atividades físicas, o artista convocou o público a participar da ação através de um vídeo na internet: https://goo.gl/jsfHpk.

domingo, 30 de outubro de 2016

A sambista Jú Moraes é a convidada do Quintal do Batifun deste domingo (30)




Domingo em Salvador é dia de muito samba no Quintal do Batifun, projeto que acontece a partir das 16h na Casa Almendra no bairro do Rio Vermelho.  A cada semana o publico presente se diverte com 03 horas de show do Grupo Batifun, apresentando em seu repertório, releituras da MPB, da música sertaneja e do axé music, além dos antigos e novos sucessos do grupo. A sambista Jú Moraes é a convidada desta semana para deixar ainda mais charmoso o pôr do sol do bairro mais boêmio de Salvador.



Serviço:
Quintal do Batifun
Data: Todos os domingos de outubro.
Atrações: Batifun e convidados (Jú Moraes)
Horário: a partir das 16h
Local : Casa Almendra (Rua Almerinda Dutra, nº3 - Rio Vermelho)
Classificação: 18 anos
Valor: Feminino R$30,00 / Masculino R$40,00 (1o. Lote)

Vendas: Ticketmix

Canto Skol anima Parque Solar Boa Vista no feriado de 2 de novembro



Terceira edição do Canto Skol contará com programação percussiva, oficinas e shows gratuitos, abertos à comunidade.

(Foto: Sercio Freitas/ Divulgação)

Um dos principais berços da musicalidade baiana percussiva, o Parque Solar Boa Vista, no Engenho Velho de Brotas, será totalmente ocupado na próxima terça-feira (1/11) e quarta-feira (2/11) pelo projeto Canto Skol.

A percussão será o fio condutor da terceira edição do projeto, que contará com oficinas, mesa-redonda e roda de timbal. O projeto itinerante Bahia Experimental, que incentiva a criação coletiva, a partir de improvisos rítmicos, será o anfitrião do evento.  

Na terça-feira, dia de abertura da programação, o pesquisador sonoro Thiago Trad, vai ministrar uma oficina de percussão, com o tema “Improvisação e livre criação musical”. Neste mesmo dia, haverá um workshop de percussão eletrônica, com Japa System.

A programação contará ainda, com um mesa redonda sobre “Percussão e Empreendedorismo” com Thiago Trad, Peu Meurray, Japa System, Mamah Soares. Por fim, os artistas Danilo Gualberto, Elton Jackson, Ratinha, Sandrinha do timbal, fazem uma Roda de Timbal.

Os resultados das vivências e do workshop serão conferidos na quarta-feira (2/11), Feriado de Finados, a partir das 16h.  A banda IFÁ Afrobeat, com participação de Peu Meurray, o projeto de improvisação Bahia Experimental e convidados, e o coletivo de beats eletrônicos B_T_PGDÃO, encerram a atividade, com um grande show aberto ao público.  

O Canto Skol é uma realização da cerveja Skol. A ação faz parte da plataforma de música da marca e propõe ocupar locais culturais de Salvador com o objetivo de valorizar a nova cena musical da cidade. O projeto conta com parceria de Salvador, reconhecida como “Cidade da Música” pela Rede de Cidades Criativas da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), em Dezembro de 2015.

Com recorde de público, o Canto Skol teve duas edições realizadas na Quadra do Bloco Apaxes, no Dique do Tororó. Coletivos como Mutirão Mete Mão e Minavu já participaram do projeto.  Toda programação é gratuita.

Parque Solar Boa Vista

O cenário de um dos bairros mais populosos da capital baiana, o Engenho Velho de Brotas, tem uma rica história. Na época do Brasil Colônia, o local abrigava muitos engenhos de cana-de-açúcar, daí o nome do bairro.

Com quase 300 anos de existência, o Parque Solar Boa Vista foi o local onde morou o poeta Castro Alves. O imóvel, também foi sede da Prefeitura de Salvador.

Considerado o segundo bairro mais populoso de Salvador e também um conhecido gueto afro-descendente, o local foi escolhido para a terceira edição do Canto Skol por ser reconhecido como celeiro da música percussiva da Bahia.

A Skol

A Skol é a cerveja líder no mercado e atua com pioneirismo, irreverência, espírito jovem, buscando sempre surpreender o consumidor com ações inovadoras. É por meio de uma estratégia que está sempre à frente que a Skol mantém sua identidade e maior proximidade com seu público antecipando tendências no mercado.


SERVIÇO

Terceira Edição do Canto Skol
Dias: 1 e 2 de novembro
Local: Parque Solar Boa Vista - Engenho Velho de Brotas
Entrada Gratuita

Atividades Formativas - dia 1 de novembro
- Oficina Percussiva de Improvisação e Livre Criação Musical, com Thiago Trad e participação de Ênio Nogueira.
Duração: 10 horas.
- Workshop de percussão eletrônica com Japa System.
Duração: 3 horas.
- Mesa Redonda Percussão e Empreendedorismo com Thiago Trad, Peu Meurray, Japa System, Mamah Soares.
Duração: 2 horas.
- Roda de Timbal com Danilo Gualberto, Elton Jackson, Ratinha, Sandrinha do timbal.
Duração: 3 horas.

Programação de Shows - 2 de novembro a partir das 16h
- Bahia Experimental com Maestro Letieres Leite, Jorjão Bafafé e Negrizú.
- IFÁ Afrobeat convida Peu Meurray
- B_T_PGDÃO

Confira as dez bandas finalistas do projeto Bolsa Estúdio Skol

 

Com a proposta de dar visibilidade aos artistas da nova cena musical da Bahia, a Skol divulga as dez bandas finalistas do projeto Bolsa Estúdio. Caian, CDR Style, MC CDOZE, Dona Iracema, Isbela e Os Renomados, Jadsa Castro, Lívia Matos, Neila Kadhi, Prince Adamo e Skanibais foram as selecionadas.
As dez bandas finalistas no programa Bolsa Estúdio da Skol receberão um incentivo da marca.  Os grupos serão acompanhadas e receberão a consultoria técnica de um diretor musical, além da assessoria do conselho curador do programa.  
Os artistas selecionados vão produzir uma composição autoral inédita, que será mixada e masterizada para compor um single de trabalho e um clipe da música escolhida, tudo isso financiado pela marca. O resultado será apresentado em um show especial, previsto para acontecer em janeiro de 2017.
Para Felipe Bratfisch, gerente regional de comunicação da Skol, o resultado da seleção foi além do esperado. “Ficamos surpresos. Percebemos que o cenário musical da Bahia está muito forte. Estamos muito felizes com o resultado do projeto. São grandes promessas que tem o potencial para brilhar nacionalmente”, destacou.
Bratfisch afirmou que o modelo de curadoria utilizado fez com que os participantes ficassem ainda mais conhecidos, ampliando as possibilidades para além da programação do próprio Bolsa Estúdio Skol. “Montamos a curadoria com três grandes profissionais da cena cultural baiana. Pessoas que são referências no mercado”, ressaltou.
O novo som da Bahia
O Bolsa Estúdio faz parte da plataforma de música da Skol. O projeto nasceu com a vocação de descobrir “o novo som” e mostrou que esse novo som é plural como a Bahia e não está preso em um único estilo. 
O programa conta com mais dois projetos paralelos: o Circuito Skol, que apoia e promove a agenda de eventos musicais da cidade; e o Canto Skol, que está em sua terceira edição, e busca reativar espaços importantes para a musicalidade da capital.
Mais de 300 bandas se inscreveram para a seleção do Bolsa Estúdio. Os concorrentes enviaram um vídeo de trabalho autoral. O conselho curador do programa, formado pelo musicista Peu Meurray, pelo jornalista e crítico de música, Luciano Matos e pelo produtor musical André T, ficou responsável por todo o processo de seleção.
Na primeira etapa foram escolhidas 20 bandas. Elas participaram de uma audição pública, apresentando duas músicas. Neste segundo momento o júri avaliou performance, experimentação e conteúdo musical, originalidade e desempenho no palco.
“Foi uma experiência super emocionante poder ouvir, participar do sonho do artista. Acabamos entrando na vida e no estilo de cada um. Tivemos um resultado surpreendente, com trabalhos incríveis e inusitados”, afirmou Peu Meurray, um dos curadores do projeto.
Segundo Peu Meurray, “o projeto é um movimento de arte e cultura, que abre uma janela de oportunidades a artistas independentes que precisam de chances como essa, mais livre, democrática e aberta para todos”, avaliou.

BANDAS SELECIONADAS
 
 
 
 
Caian
Ricardo Caian é compositor, cantor e guitarrista natural de Salvador. Após passar um ano na França estudando e apresentando o seu primeiro EP, “Trânsito", o artista retornou este ano para a Bahia, e já chegou lançando o novo álbum, “Plutão”. O álbum de 11 faixas autorais inclui regravações e canções inéditas. Segundo ele, “o nome é de planeta, mas o som é universal”.
Fanpage: @caian.art
Instagran: @ricardocaian
 
 
CDR Style
Primeiro grupo baiano de Raggamuffin, oriundo da união dos MC’S Fall Clássico e Fayakayano. O  Raggamuffin é um estilo musical de batidas fortes e sensuais que chegou à Bahia e ganhou características locais, com a soma sonora do tambor, da levada percussiva baiana e de timbragens de instrumentos de sopro. Para finalizar o caldeirão musical, o diferencial está na performance de um DJ, que dá um tom moderno e arrojado ao grupo. 
Fanpage: não possui
Instagran: não possui
 
 
Dona Iracema
Com influências não só do rock/hardcore, mas também de ritmos regionais como o baião e forró, a banda Dona Iracema natural de Vitória da Conquista se apresenta no cenário musical baiano com uma nova proposta denominada “Caatincore Iracemático”. Formada por quatro músicos irreverentes, criativos e performáticos, o grupo conta com a internet como principal plataforma de divulgação.
Fanpage: @BandaDonaIracema
Instagran: @donairacema
 
 
Isbela e Os Renomados
A jovem banda tem no repertório canções originais com células rítmicas do sambareggae, capoeira, baião e maracatu. Tem também um pegada Brega que misturam esses elementos com a pegada original do rock, e do folk franco-brasileiro. Em algumas músicas é possível identificar mais de um ritmo, como um Ijexá que invade a composição. Tudo isso com letras e temas que falam da subjetividade do indivíduo em contato com a cidade de Salvador e suas paisagens, projetadas no mundo.
Fanpage: @isbela.fariatrigo
Instagran: @isbela.fariatrigo
 
 
Jadsa Castro
A compositora Jadsa Castro revela em suas canções um apelo baiano com timbres experimentais. A artista cresceu dentro do Axé e carrega a ancestralidade em sua trajetória. Além de ser uma intérprete solista, sela se apresenta com mais cinco músicos parceiros que dão mais riqueza estética ao som que produz.  Os shows da cantora são baseados no seu último EP, o "GODÊ", que envolve qualquer um que ainda não conheça a sua arte independente.
Fanpage: @jadsacastro
Instagran: @jadsacastro
 
 
MC Cdoze
Edvaldo Neto, o Cdoze está há 12 anos atuando diretamente na Bahia com o HipHop. Primeiramente na Rede Ayie Hiphop, posse de HipHop responsável pelos encontros estaduais de HipHop, já integrou os Grupos de Rap Risco88 e Versu2 e o coletivo de artistas UGangue.
Fanpage: @cdozeedcalduneto
Instagran: @cdoze

 
Lívia Mattos
Socióloga de formação, a artista começou a sua carreira no circo, onde despertou o interesse pelo acordeom como recurso cênico. Dentro da sua busca sonora a instrumentista e intérprete utiliza a sanfona como instrumento de criação e pesquisa, com a liberdade de transitar por influências cosmopolitas e regionais. Voz marcante e personalidade musical forte, ela se apropria do lirismo seresteiro, da estética do baile caribenho, assim como de referências musicais que remetem ao universo circense e nordestino para ocupar cada espaço do palco.
Fanpage: @liviamattos.art
Instagran: @liviamattos.art
 
 
 
Neila Kadhí
Cantora, compositora, instrumentista e produtora musical. Sua sonoridade busca uma interpretação moderna de ritmos e gêneros tradicionais brasileiros, como Bossa Nova, Samba, Ijexá, Baião e outros, integrados a sons eletrônicos. Após um ano em Los Angeles, onde realizou a especialização em “Eletronic Music Production”, Neila retornou a Salvador em 2015 e trouxe muitas novidades na bagagem. Ela passa a somar às suas performances o uso de ferramentas eletrônicas que a auxiliam nesta nova perspectiva sonora.
Fanpage: @NeilaKadhi
Instagran: @neila_kadhi
 
 
Prince Addamo
Natural da cidade de Camacã, no sul da Bahia, Prince vem construindo o seu trabalho musical na capital baiana. Instrumentista, arranjador e defensor da música popular brasileira, o artista dialoga com o cotidiano das pessoas. Sua guitarra é provocativa com o público. Seu trabalho reafirma que a diversidade musical da Bahia está espalhada por todas as partes do estado. Sua expressão musical representa a dicotomia entre a resistência e inovação da arte. 
Fanpage: @prince.addamo
Instagran: não tem
 
 
Skanibais
Dez instrumentistas apreciadores das levadas do ska jamaicano se encontram em Salvador, para reinterpretar o gênero com um sotaque bem peculiar. Em atividades há três anos, o Skanibais faz uma enérgica fusão entre o ska, as filarmônicas do Recôncavo e a malemolência do reggae baiano. Com extravagantes metais, a sonoridade do grupo se destaca pela vivacidade rítmica e a versatilidade de seu repertório.
Fanpage: @SkanibaisSka
Instagran: @skanibais