quarta-feira, 10 de maio de 2017

Mostra de filmes dirigidos por mulheres abre inscrições para filmes


Interessadas podem se inscrever gratuitamente até o dia 26 de maio; a 1ª Mostra Elas acontece em agosto, em Salvador


Estão abertas até o dia 26 de maio as inscrições para a 1ª Mostra Elas – Filmes Dirigidos por Mulheres. As realizadoras interessadas em participar podem se inscrever gratuitamente no site www.mostraelas.com. O evento acontece entre os dias 17 a 20 de agosto, na Sala de Arte da UFBA, em Salvador. Serão aceitos curtas e longas-metragens de todos os gêneros, finalizados em formato digital entre 2015 e 2017, dirigidos ou codirigidos por cineastas brasileiras, e que não estejam disponíveis em canais de TV ou nenhum veículo online.
As participantes devem enviar um link do filme, hospedado em sites que compartilhem vídeos em formato digital, e o login e senha, caso necessário. Em algumas situações específicas, será aceito o envio da cópia do filme em DVD. Podem participar todas aquelas que se identificam com a identidade de gênero feminino. O regulamento completo já está disponível no site do evento.
No total, 30 filmes serão selecionados para compor a mostra, que também contará em sua programação com mesas de debate, oficina de roteiro e consultoria de projetos de filmes. A lista das obras selecionadas será divulgada até o dia 7 de julho no site do evento. A Mostra Elas tem um caráter cultural e não competitivo.
Sobre a Mostra Elas
 A 1ª “Mostra Elas - Filmes Dirigidos por Mulheres busca criar um espaço de visibilidade, valorização e difusão de filmes realizados por cineastas brasileiras, além de discutir o papel das mulheres na história do cinema brasileiro. Conta com a realização da Giro Planejamento Cultural, e com o apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, da Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.
“Algumas décadas atrás, a direção cinematográfica era um posto quase que exclusivamente ocupado por homens. Hoje, cineastas mulheres são cada vez mais numerosas e responsáveis por levar ao público novas formas de enxergar o mundo, individual e coletivo”, explica Luciana Lemos que assina a curadoria da mostra juntamente com Emanuella Rodrigues. De acordo com dados da Agência Nacional de Cinema (Ancine), o percentual de mulheres que dirigem filmes lançados no Brasil aumentou de 14,7% em 2015 para 20,3% em 2016. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail contato@mostraelas.com.

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais. Para mais informações, acesse: www.cultura.ba.gov.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário