terça-feira, 18 de julho de 2017

Obesidade provoca infertilidade em homens e mulheres

Foto: Ricardo Prado. 
A obesidade pode gerar alterações testiculares que comprometem a produção de espermatozóides e hormônios relacionados à fertilidade masculina. Nas mulheres, a capacidade ovulatória é reduzida, devido às alterações hormonais provocadas pela Síndrome Metabólica - conjunto de doenças associadas à obesidade cuja base é a resistência à insulina. Um estudo divulgado na revista científica Human Reproduction Update aponta que a probabilidade de alteração seminal é 28% maior nos homens obesos e 11% nos que apresentam sobrepeso. Pessoas com obesidade mórbida (IMC acima de 40) têm o dobro de chances de apresentar uma diminuição do número de espermatozóides e a probabilidade de haver ausência dele na ejaculação é triplicada.

Estudos recentes revelam que a cirurgia bariátrica pode auxiliar no aumento da fertilidade nos homens. “A obesidade provoca um desequilíbrio na produção de hormônios responsáveis pela qualidade e quantidade dos espermatozoides. A perda de peso promovida pela cirurgia bariátrica auxilia na regularização dessas funções, contribui com o aumento na fertilidade nos homens e qualidade da função sexual”, explica o Dr. Marcus Lima, médico especialista em videolaparoscopia e cirurgia bariátrica.

As mulheres com obesidade tendem a apresentar ovários policísticos, ciclos menstruais irregulares e sem ovulação. “Existem casos de pacientes que sofriam com a infertilidade e após a cirurgia bariátrica conseguiram ter filhos. Isso ocorre porque a cirurgia bariátrica normaliza os hormônios prejudicados pela obesidade. O procedimento reduz ainda o risco de complicações como diabetes gestacional e doença hipertensiva da gravidez, melhorando as condições para uma gestação mais segura e mais saudável”, conta o Dr Marcus Lima. O médico enfatiza que é necessária a indicação médica para realização do procedimento, além do acompanhamento com equipe multidisciplinar e mudança no estilo de vida para obtenção dos benefícios à saúde.
Sobre o Dr. Marcus Lima
Médico cirurgião, o Dr. Marcus Lima é especializado em videolaparoscopia, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM), membro da Sociedade Brasileira de Videocirurgia - SOBRACIL e integra Diretoria Colégio Brasileiro de Cirurgiões - Capítulo Bahia. Possui Fellowship em Cirurgia Bariátrica Laparoscópica, na Gastro Obeso Center (SP). Coordena o serviço de vídeocirurgia do Centro Médico Urológico, em Irecê (BA), cidade onde também atua como médico cirurgião do Hospital AMI. Na capital baiana, integra a equipe de cirurgiões da clínica BAROS e, em Lauro de Freitas-BA, da Gastrocentro.  Atua  como cirurgião em Alagoinhas-BA, na Clínica Santa Maria. É também professor de clínica cirúrgica do curso de medicina da Faculdade de Tecnologia e Ciências de Salvador - FTC.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário