quarta-feira, 7 de junho de 2017

Ojá e Coquetel Banda Larga apresentam repertório autoral na 3ª Incubadora Sonora




Na fuga de rótulos, bandas apresentam letras críticas e fusões de ritmos em canções cheias de atitude - Show acontece dia 17/06 no Portela Café


Sem rótulos, com estilos livres, letras críticas e fusões de ritmos, esse é o perfil das bandas Ojá e Coquetel Banda Larga, que se apresentam dia 17 de junho (sábado), no segundo show da 3ª edição da Incubadora Sonora. O evento, que acontece às 22h, no Portela Café, custa R$ 5,00 e conta ainda com a participação do anfitrião de todas as edições e idealizador do projeto, o músico Irmão Carlos e do Dj Camilo Fróes.

No repertório do show cada banda apresenta as peculiaridades de sua música autoral, fugindo de rótulos que as aprisionem em um único estilo musical. Ojá parte das raízes afro-brasileiras e mescla ritmos contagiantes como rap, funk, soul e jazz com canções que retratam a resistência contra todo tipo de preconceito. Já a banda Coquetel Banda Larga apresenta um som que resulta de pesquisas e experiências de seus integrantes em diversos ritmos percussivos – portugueses, latinos e africanos – além da influência jazz, tudo isso misturado à letras reflexivas sobre o cotidiano e as relações interpessoais. Por fim, o músico Irmão Carlos apresenta o seu novo disco com um repertório dançante que mistura black music, música eletrônica e blues, com composições diretas que falam de sua própria vivência: do cotidiano ao existencialismo, da causa ao problema, do café da manhã à insônia, da angústia ao prazer.

As bandas Ojá e Coquetel banda Larga foram selecionadas pelo projeto Incubadora Sonora a partir do território cultural Cabula /Tancredo Neves e Pau da Lima e participaram do processo de incubação que visa dar visibilidade à música produzida em bairros populares. Ao longo de um mês estas e outras sete bandas selecionadas receberam capacitação profissional através de oficinas de gravação, produção, fotografia, comunicação e cenografia, além da produção de um ensaio fotográfico e da gravação em estúdio de duas músicas autorais para cada banda. O projeto prevê ainda três shows até agosto com as demais bandas que integraram a Incubadora Sonora neste ano.

O projeto Incubadora Sonora tem coordenação geral de Lindomar Luís, que junto com Irmão Carlos teve a ideia do projeto. A incubadora tem apoio do Governo do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura com recursos do Fundo de Cultura da Bahia, pelo edital 16/2016 – Setorial de Economia Criativa 2016.


3ª Edição do Projeto Incubadora Sonora
Shows: Ojá, Coquetel Banda Larga, Irmão Carlos e Dj Camilo Fróes
Quando: 17 de junho (Sábado), 22h
Onde: Portela Café (Rua Itabuna, 304 – Rio Vermelho)

Quanto: R$ 5,00
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário