segunda-feira, 7 de agosto de 2017

O espetáculo As Pequenas Raposas volta em cartaz no Teatro Martim Gonçalves


Foto: Diney Araújo. 
Com direção e tradução de Harildo Deda, a montagem baseada na obra da escritora americana Lilian Hellman, apresenta segunda temporada 

O Teatro Martim Gonçalves apresenta de 18 a 27 de agosto, o espetáculo teatral As Pequenas Raposas, a peça apresenta a trajetória da família Hubbard, comerciantes do Sul dos Estados Unidos, no início do século XX, após o fim da escravidão e da guerra civil americana, que surpreendentemente muito se assemelha ao atual momento histórico brasileiro.

Abordando temas como ganância, corrupção, machismo e racismo, o espetáculo marca seus cinquenta anos ininterruptos de contribuição ao teatro baiano. Para o diretor é importante montar “As Pequenas Raposas” neste “tempo de homens partidos”, para tratar sobre “as raposinhas de nosso tempo: corruptas, racistas, misóginas”.

Harildo Deda também compõe o elenco, juntamente com Bira Freitas, Cristiane Cândido, Daniel Arnold, Gésner Braga, Ícaro Bittencourt, Luzia Barbosa, Marta Torres, Valéria Fonseca e Veríssimo Vasconcellos. A produção é de Cristiane Cândido, Gésner Braga, Marta Torres e Veríssimo Vasconcellos. O figurino é assinado por Gésner Braga e a cenografia e iluminação, por Eduardo Tudella.

Os ingressos serão vendidos diariamente, na bilheteria do teatro, a partir das 15h, por R$15,00 a meia entrada e R$ 30,00, inteira.

Sobre o espetáculo:

Os Hubbards crescem economicamente com a exploração de mão de obra barata na região e ludibriando pessoas para obtenção de vantagens econômicas. Numa visão corrupta, utilitarista e gananciosa de que os fins justificam os meios, não poupam nem seus familiares, cujos arranjos matrimoniais se revelam com nítido caráter patrimonial.
Face à possibilidade de associação com o capital industrial do Norte, representado pela Marshall Cia, as "pequenas raposas" da família Hubbard revelam toda sua ganância na exploração das pessoas (irmãos, marido, esposa, filhos, empregados), sem medir esforços para concretizar seus planos.


A exposição da ganância humana – tão naturalmente encarada por uns e tão arduamente combatida por outros – tem por objetivo retirar o espectador da zona de conforto e convidá-lo ao debate do tema da corrupção e suas nuances, bem como outras questões cruciais como o machismo e o racismo.
SERVIÇO:

AS PEQUENAS RAPOSAS
Direção e tradução: Harildo Deda
Produção: Cristiane Cândido, Gésner Braga, Marta Torres e Veríssimo Vasconcellos
Elenco:
Bira Freitas
Cristiane Cândido
Daniel Arnold
Gésner Braga
Harildo Déda
Ícaro Bittencourt
Luzia Barbosa
Marta Torres
Valéria Fonseca
Veríssimo Vasconcellos
Cenografia e iluminação: Eduardo Tudella
Figurino: Gésner Braga
Local: Teatro Martim Gonçalves, Escola de Teatro da UFBA, Av. Araújo Pinho, 295, Canela, Salvador, Bahia
Datas e horário: 18 a 27/08/17, todos os dias, às 19h
Ingressos: R$ 30,00 e R$15,00

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário