sexta-feira, 12 de maio de 2017

‘TIDELLI ART WEEK’ VOLTA E REUNIR ARTISTAS PLÁSTICOS E ARTESÃOS NAS ESPATÓDEAS



Foto: Bruno Brito

O curador Nino Nogueira é o responsável em transformar a loja em uma grande galeria. Assim, a segunda edição do evento volta a reunir alguns dos mais expressivos representantes da arte na Bahia, dentro da proposta de aliar as suas obras com os modernos e artesanais móveis da Tidelli.
“ Vamos reunir um mix de arte contemporânea, arte pop e arte lúdica na Tidelli, que é reconhecida pelo design de seus móveis”, comenta o curador da mostra, Nino Nogueira, profissional de arte e decoração e proprietário da NN Decor e Galeria.
Todos trabalhos expostos serão artesanais, seguindo o mesmo conceito do feito à mão da marca e que expressam em diversas formas os sentimentos dos artistas. Líder no mercado de móveis outdoor no país, a marca baiana quer promover a mostra anualmente, com destaque no calendário cultural da cidade. 
OS ARTISTAS
Impressões em Pergaminho é título trabalho de Mônica San Galo, que revela “ser o lúdico e fantástico mundo das lembranças gravadas no coração”. Mônica tem o colorido como uma das suas principais características, assim como a pernambucana Karol Coelho, que traz uma belíssima tela com a imagem de Iemanjá.  “Por toda sua expressão e importância, ela representa o feminino, a Bahia, a arte figurativa”, comenta Karol..
Já Erickson Britto promete surpreender com sua escultura, moldada em aço e construída dentro uma linguagem que se aproxima do Construtivismo. “O meu trabalho é o resultado da observação das formas contidas na paisagem urbana e em nossos percursos”, revela. Daniela Steele traz para a Tidelli desenhos feitos com a técnica de pastel seco sobre papel, que abordam sobre a questão da natureza, o seu mau uso pelo homem, a sua deterioração, seu desaparecimento e suas consequências. “Acredito que esta temática está integrada no conceito atual da loja, onde podemos observar uma decoração totalmente voltada para natureza e seus aproveitamentos pelo homem nos seus fazeres tradicionais”, diz Daniela Steele.
As bijuterias de Juju Luz que encantavam as mulheres baianas cresceram e transforam também em acessórios desejados para decorar casa, principalmente em mesas, em torno de vasos e maçanetas de portas. “O mar é minha fonte de inspiração, principalmente nesta coleção para a Tidelli que utilizo matérias que sempre trago da Austrália.  A única participante das duas edições, Fatima Camelyer está de volta com suas almofadas sofisticadas, coloridas e temáticas. Desta vez, o seu trabalho handmade vai ganhar ainda mais destaque com belíssimos bordados e estampas de sua criação, em sedas ou em textura em alto relevo com veludo, que dão vida as almofadas e cúpulas para abajur.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário