segunda-feira, 26 de junho de 2017

ÚLTIMA NOITE DE FESTA JUNINA EM SANTO ANTÔNIO DE JESUS TEM NOVE ATRAÇÕES NO PALCO PRINCIPAL




Fotos: Marcelo Machado.

A última noite do Maior e Melhor São João da Bahia teve nove cantores no palco principal, por isso os festejos começaram mais cedo neste domingo (25), às 18h, com o ex-participante do The Voice Kids, Brunno Pastori. O cantor, que é natural de Santo Antônio de Jesus, entoou sucessos da atualidade como “K.O” e “Você partiu meu coração”. Durante a apresentação, Brunno levou uma fã para cantar com ele no palco e agradeceu o carinho do povo da sua terra natal.
A banda Selo de Amor veio em seguida, cantando músicas de artistas consagrados de diversos ritmos. Depois foi a vez de Joyce França subir ao palco com seu balé e colocar todo o público para dançar, ao som de “Vai namorar comigo sim”, “Vidinha de balada” e novidades do seu mais recente CD, como “Meu Xodó” e “Louca pra te amar”.
A dupla Lukas & Gustavo chegou em SAJ com o show do CD Bebendo Todas e misturando sucessos do sertanejo e do arrocha. O repertório bastante diversificado e alegre colocou o público, estimado em 100 mil pessoas, para dançar na praça central.
O Trio Nordestino chegou fazendo o público dançar o “verdadeiro forró”, como eles dizem. Em coletiva com a imprensa, os forrozeiros elogiaram a estrutura do São João de SAJ. “É realmente o melhor São João da Bahia, talvez até do Nordeste, pois a estrutura e a organização estão impecáveis. A melhor que vimos!”, disseram os músicos.
Tayrone, a atração mais esperada da noite, subiu ao palco à 1h e colocou o público para cantar os sucessos da sua carreira: “Dez dias”, “Bipolar”, “Guardinha da blitz” e “Vai ter troco”, entre outras. Mas a surpresa da noite foi o cantor chamar o prefeito Rogério Andrade para dançar. O administrador aceitou o convite e arrochou ao lado de Tayrone.
Sucessos da música sertaneja atual foram a aposta da cantora Mara Ribeiro: “Loka”, “Você Faz Falta Aqui” estiveram no repertório da cantora. O grupo Pancadão Baiano, formado por transexuais e travestis de Cruz das Almas, participou da apresentação de Mara, cantando e dançando ao som de Pabllo Vittar. Uma forma de ressaltar a diversidade.

Genard preparou o público para o final da festa, tocando hits dos anos 90 e 2000, como “E o vento levou” e “Toc Toc DJ”. Para fechar com chave de ouro a maratona de cinco dias de festa a banda Mastruz com Leite tocou um sucesso atrás do outro, com seus cinco cantores, como “Saga de um vaqueiro”, “Maria tá peneirando”, “Meu vaqueiro, meu peão”.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário