terça-feira, 4 de julho de 2017

Dia do Padeiro: filhos de profissionais da Perini colocam a mão na massa



O sol nem apareceu e ele já está no batente. Quem convive com padeiro sabe que, para ter pãozinho quentinho no café da manhã, ele levanta cedo para colocar a mão na massa. Mas, como será a rotina de trabalho do padeiro ou panificador? No dia 05 de julho, às 14 horas, 20 filhos dos funcionários da produção da Perini vão viver um dia como “Padeiros Mirins” e irão produzir o pão delícia e o pão mineiro da Perini. A ação será gravada e no dia 08 de julho, Dia do Padeiro, o vídeo será veiculado para homenagear os 132 profissionais empregados na empresa.

O mestre confeiteiro da Perini, José Raimundo, irá recepcionar as crianças, falará sobre a história do dia do padeiro; e instruirá como produzir os pães, que serão manuseados pelas crianças e formatados para irem ao forno. “Após assados,  eles levarão seu primeiro pão como lembrança e um certificado sobre a sua participação”, ressalta o chef. 

Na Perini, a partir das 6h da manhã já é possível encontrar o pão quentinho, já que uma equipe trabalha na madrugada assando os produtos. “É gratificante ver seu trabalho admirado logo cedo”, destaca Albert Vernedas, gerente de produção da Perini.

Segundo o Sitrapan, somente na Bahia existem mais de 3,5 mil padeiros.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário