segunda-feira, 17 de julho de 2017

Médicos alertam para Julho Amarelo



O mês é dedicado à prevenção dos diversos casos de hepatite

Os cuidados com a saúde merecem destaque, mas alguns meses são focados na conscientização de determinadas doenças, como é o caso do Julho Amarelo. Dedicado para falar da prevenção dos casos de hepatite, as ações voltadas para o assunto são de grande importância, diante da gravidade da doença. No município, estão sendo realizadas ações de prevenção às hepatites virais como a oferta de testagem rápida para as hepatites dos tipos B e C, de forma gratuita, em mais d e 100 unidades de saúde.
A médica hepatologista da Clínica AMO, Dra. Vivianne Mello, explica que existem vários tipos de hepatite, mas as pessoas só se atentam para as Hepatites virais, que são a Hepatite A, B e C. “Hepatite é a inflamação do fígado. Esta inflamação pode ser causada por qualquer coisa. Pode ser causada por gordura no fígado, álcool, medicamento, por doença imunológica ou vírus”, esclarece a especialista.
  Alguns vírus da hepatite podem ser transmitidos por meio do sangue. “Usuários de drogas, pessoas submetidas a cortes com materiais  contaminados, o sexo sem uso de preservativos, são alguns fatores de alerta para o paciente ser submetido a avaliação clínica e posteriormente exame para avaliar se existe alteração”, alerta Dra. Vivianne Mello.  A p revenção e conscientização são importantes, pois em alguns casos, principalmente na hepatite B e a C, a doença pode evoluir para um quadro crônico, uma cirrose ou até mesmo um câncer de fígado.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário